Home / Missões

Missões

Tesouros em Vasos de Barro

Publicado em 29 de novembro de 2015

Deus decidiu guardar Seus tesouros em recipientes muito fracos. Por isso temos nosso tesouro em vasos de barro — que somos nós mesmos —, para que a excelência do poder seja de Deus, e nunca nossa.

O poder de Deus sempre se aperfeiçoa na nossa fraqueza, pois, do contrário, certamente ficaríamos arrogantes.

Por essa razão é que em tudo somos atribulados, mas não angustiados; perplexos, mas não desesperados; perseguidos, mas não desamparados; abatidos, mas não destruídos.

Assim caminhamos, sempre trazendo no nosso corpo o morrer, para que também a vida de Jesus se manifeste em nós.

Isso porque nós, que vivemos pela fé em Cristo, estamos sempre entregues à morte por amor a Jesus e para crescermos em Sua Graça.

Ora, isso também acontece a fim de que a vida de Jesus se manifeste em nossa carne mortal, que só pode experimentar vida tão mais excelente se nossa animalidade mais básica for sempre relativizada.

E se desejamos muito ser instrumentos de Deus — também pura obra da Graça —, ainda mais teremos que conhecer o caminho da fraqueza, a fim de que discirnamos nossos próprios corações.

Por essa razão é que aquele que é visto como alguém que edifica outros, mais profundamente conhecerá a operação da morte para que outros possam experimentar a vida.

As dores de uns são as sabedorias de Graça que trarão vida a outros.

Ora, o espírito de nossa fé é simples, e manifesta-se conforme está escrito: "Eu cri, por isso falei!"

Também nós cremos, por isso também falamos!

Mas fazemos isto sabendo que Aquele que ressuscitou o Senhor Jesus nos ressuscitará com Ele — sim, a todos nós!

Desse modo, sendo já herdeiros de todas as coisas, mesmo que existindo em fraqueza, devemos saber que todas as coisas existem por amor a nós.

Somente pessoas conscientes de sua própria fraqueza podem experimentar esse privilégio como gratidão, e nunca como arrogância. E tal consciência não se jacta como se isso fosse uma conquista individual e pessoal. Essa Graça está sobre muitos.

Isto para que a Graça, multiplicada por meio da vida e dons de muitos, faça abundar muita gratidão entre os homens para a Glória de Deus.

É por essa razão que não desfalecemos nunca. Mesmo quando vemos o nosso “homem exterior” se consumindo, pois sabemos que existe uma contrapartida. Afinal, na mesma proporção, o nosso “homem interior” se renova de dia em dia.

Dito isso, quero apenas recordar que não somos filhos da animalidade. Temos um tesouro eterno habitando em nossa fraqueza.

Ora, tal consciência gera muita paz. Afinal, sabemos que a nossa tribulação na terra é leve e momentânea, mas produz para nós cada vez mais abundantemente um eterno peso de glória.

Dessa forma, devemos andar pela fé. Não atentando nós nas coisas que se vêem, mas sim nas que se não vêem.

As coisas que pertencem aos sentidos — as que se vêem — são temporais, enquanto as que se não vêem são eternas.

Quem tem essa consciência em fé já não se queixa. Tampouco julga que o vaso seja importante. Afinal, o vaso é de barro, tirado do pó — e ao pó voltará! Mas o tesouro, esse sim, é eterno. E já nos habita como santa contradição da Graça, embora seus portadores sejam sempre expostos à fraqueza.

Essa é a fé que permite celebrar a Graça e a Vida com saúde. E nunca se gloriar do que possui, pois, de fato, não possui; apenas carrega!



Caio

Em alegria de provar a Graça juntamente com o irmão Paulo



mais Missões

Um cristão forte e ousado

"Deus nunca se atrasa para responder nossas orações"

Carta de um iraniano fala sobre transformação de vida

"Eu finalmente encontrei a paz que tanto buscava"

Cristãos são perseguidos pelo Boko Haram e ficam deslocados

Desde 2009, mais de 1.600 igrejas foram destruídas

Uma viúva que se tornou um exemplo de superação

Cinco anos após a morte do marido, Pauline hoje orienta um grupo de viúvas cristãs. Ela acredita que Deus escolheu usá-la dessa forma.

Depois de uma grande perda, a vida de uma mulher cristã se transformou

"As pessoas que oraram por mim foram instrumentos de Deus em minha vida"

A triste rotina das mulheres cristãs que estão encarceradas no Paquistão

"Quem pode imaginar quais são os efeitos desse tipo de prisão na alma de alguém?"

Líderes religiosos continuam lutando pela paz

"Todo acordo tem seu preço e nós pedimos aos líderes que continuem negociando"

Deus também dos pequenos

Neste Dia das Crianças, veja o cuidado que crianças colombianas têm recebido

Mulheres indianas pagam um alto preço para servir a Cristo

“Agora que eu tenho a Jesus, me considero uma mulher forte”

#Shockwave2015: "Deus é o nosso pastor, no vale da sombra da morte"

Na semana do Shockwave, confira uma carta de um cristão perseguido no país mais fechado do mundo para o evangelho

 



videos

Autor da Minha Fé

Paulo César Baruk / Paulo Cézar da.


NEWSBOYS

God's Not Dead


outros videos